União da Ilha, Paraíso do Tuiuti e Mangueira entram nesta segunda-feira na Marquês de Sapucaí

O Ceará vai ter bastante destaque nesta segunda-feira (4) durante o desfile das escolas de samba do Rio de Janeiro. Isso porque, em 2019, União da Ilha do Governador, Paraíso do Tuiuti e Estação Primeira de Mangueira elegeram personagens e histórias cearenses para apresentar no sambódromo carioca.

Das escolas que falarão do Ceará, a União da Ilha é a primeira a se apresentar. José de Alencar e Rachel de Queiroz, dois dos maiores nomes da literatura cearense, serão tema do enredo da escola. O sertão, a fé e elementos da arte cearense serão destaque no samba-enredo. Além da literatura, a moda e outras linguagens também terão destaque.

A Paraíso do Tuiuti tem como enredo o Bode Ioiô, icônico personagem da cultura popular que foi eleito vereador em 1922. A figura do bode será usada para protestar contra a política brasileira.

Já a Estação Primeira de Mangueira propõe recontar a história do Brasil a partir de nomes da luta por direitos sociais. Em um dos trechos do samba-enredo, a escola fala sobre “a liberdade é um Dragão no mar de Aracati” uma homenagem ao cearense líder dos jangadeiros Francisco José do Nascimento, o Chico da Matilde, que entrou para a história como o Dragão do Mar.

Faz referência ainda a Luíza Mahin, líder de revoltas pelos direitos dos negros na Bahia; Jamelão, um dos maiores intérpretes de samba; Zumbi dos Palmares e sua mulher Dandara, que lutaram contra a escravidão; Maria Felipa, que teve papel importante na independência da Bahia.

Confira os horários do início dos desfiles:
Segunda-feira, 4:

21:15 – São Clemente
22:20 – Vila Isabel
23:25 – Portela
00:30 – União da Ilha
01:35 Paraíso do Tuiuti
02:40 – Mangueira
03:45 – Mocidade Independente

Via Cnews

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here