Eles foram liberados após entregarem todo material para polícia. Os reforços estão por toda parte da cidade, principalmente, na arena Castelão.

Seis rojões foram apreendidos e um capuz, conhecido como balaclava, no bairro Henrique Jorge, na tarde deste domingo. A polícia parou cinco homens e uma mulher com o material, ficou com os objetos e liberou os torcedores em seguida, que estavam a caminho do Clássico-Rei.

Para o duelo, um esquema de segurança foi montado, com mais de 500 policiais militares que vão estar disponíveis dentro e fora do estádio. O reforço policial também foi realizado nos terminais de ônibus da capital.

Via Cnews

Jornalista Ricardo Cavalcante
Siga-me

Comentários no Facebook