“Na minha vida política, não tive apoiadores financeiros. Quem me deu apoio foi o povo”, disse Inês Nascimento de Oliveira, agora ex-prefeita de Capistrano. Ela renunciou ao cargo nesta segunda-feira (19) e negou acordo com o vice, Júnior Saraiva, que agora assume o Executivo municipal. Em dezembro, Inês foi afastada do cargo e seis pessoas foram presas durante operação do Ministério Público. 

A ex-prefeita afirmou que a vida dela “desmoronou” após a operação “Laços de Família” ter sido deflagrada. De acordo com as investigações, um esquema desviou cerca de R$ 1,4 milhão dos cofres públicos. O acervo probatório apontou a existência de uma estrutura criminosa atuante naquela Prefeitura, integrada por familiares de Inês Nascimento de Oliveira, voltada à prática de desvios recorrentes de dinheiro público em prejuízo ao erário.

“Eu tenho a minha consciência tranquila. Eu não sou corrupta. Eu nunca desviei dinheiro público”, garantiu a ex-prefeita. “Estou saindo livre e não devo favor a nenhum político de Capistrano”, negando existência de acordo para renunciar ao cargo. 

Inês ainda pediu desculpas aos eleitores por deixar a Prefeitura e apresentou uma justificativa: “É por mim, meus filhos, minha família“, e completou: “Eu não tenho mais estrutura emocional e psicológica para permanecer no cargo”. 

Via Cnews

Siga-me

Jornalista Ricardo Cavalcante

Informações e contato em Portal Jurema News
Jornalista sob registro Drt 3648/Ce
Quem sou: Estudante de Jornalismo pelo a universidade Estácio de Sá, sou um apaixonado por tecnologia, busco sempre novas tecnologias para deixar esse portal cada vez mais completo.
Jornalista Ricardo Cavalcante
Siga-me

Comentários no Facebook