Um suspeito de vender medicamentos abortivos foi preso na tarde desta terça-feira (10), no município de Iracema, no Ceará. Ele estava com duas armas de fogo e mais de 40 remédios ilegais.

A polícia chegou ao homem depois de ouvir uma mãe e uma filha que tinham comprado o remédio, para que esta última abortasse. Ela não conseguiu perder a criança usando o remédio e foram à Delegacia Municipal de Iracema, onde informaram o nome do fornecedor.

Um mandado de busca e apreensão contra Damião Mendes de Lima, de 73 anos, foi expedido pela Justiça. Quando a polícia chegou na casa do suspeito, foram encontrados um revólver calibre .38 com quatro munições e um calibre .32, além de quatro mil reais. Também foram encontrados os medicamentos.

Damião foi preso e levado para a Delegacia Municipal de Iracema, onde foi autuado por provocar aborto sem o consentimento da gestante; falsificar, corromper, adulterar ou alterar produto destinado a fins medicinais e por posse irregular de arma de fogo. Ele já tinha passagem por receptação.

A polícia civil procura agora por outros envolvidos no crime.

Fonte: G1 CE

Siga-me

Jornalista Ricardo Cavalcante

Informações e contato em Portal Jurema News
Jornalista sob registro Drt 3648/Ce
Quem sou: Estudante de Jornalismo pelo a universidade Estácio de Sá, sou um apaixonado por tecnologia, busco sempre novas tecnologias para deixar esse portal cada vez mais completo.
Jornalista Ricardo Cavalcante
Siga-me

Comentários no Facebook