O primeiro de final de semana está sendo marcado por mortes em Quixadá, no sertão Central do Ceará. Na noite deste sábado, 4, duas mulheres foram assassinadas em um bar que fica no residencial Raquel de Queiroz.

De acordo com a Polícia, dois indivíduos em uma motocicleta chegaram ao estabelecimento comercial, e dispararam contra as vítimas que estavam no local. Kathly Anny Freitas da Silva, 22, e Laura Adriana Freitas Carneiro, 43, foram atingidas e vieram a óbito. Além delas, um homem foi baleado e socorrido para uma unidade hospitalar.

Um inquérito policial foi instaurado na Delegacia Regional de Quixadá, que segue com diligências para identificar e capturar os envolvidos no crime.

Segundo populares, Laura era a proprietária do bar. Já Kathly Anny era sua empregada doméstica. Os corpos das vítimas foram encaminhados ao Instituto Médico legal de Quixeramobim. 

O crime será investigado pela Delegacia Regional de Polícia Civil de Quixadá.

SSPDS se pronuncia sobre duplo homicídio

A Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) informa que investiga as circunstâncias de um duplo homicídio e uma tentativa de homicídio registrados, na noite desse sábado (04), em Quixadá, cidade pertencente à Área Integrada de Segurança 20 (AIS 20) do Estado. De acordo com a Polícia, dois indivíduos em uma motocicleta chegaram a um estabelecimento comercial, localizado no bairro Residencial Rachel de Queiroz, e dispararam contra as vítimas que estavam no local. Kathly Anny Freitas da Silva (22) e Laura Adriana Freitas Carneiro (43) foram atingidas e vieram a óbito. Na ocasião, um homem foi baleado e socorrido para uma unidade hospitalar. Equipes da Polícia Militar do Ceará (PMCE) e da Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) foram acionadas e realizaram os primeiros levantamentos sobre o fato. Um inquérito policial foi instaurado na Delegacia Regional de Quixadá, que segue com diligências para identificar e capturar os envolvidos no crime.

Denúncias

A população pode contribuir com as investigações repassando informações que possam auxiliar os trabalhos policiais. As denúncias podem ser feitas pelo número (88)  3445.1047 da Delegacia Regional de Quixadá. O sigilo e o anonimato são garantidos.

Via Cnews

Jornalista Ricardo Cavalcante
Siga-me

Comentários no Facebook