Um homem de 47 anos foi preso após agredir a ex-companheira no supermercado onde ela trabalhava, no Bairro Parque Leblon, em Caucaia, na noite de quinta-feira (16). Segundo a polícia, a vítima afirmou que estava separada do homem há mais de dois meses, mas ele a perseguia. 

Segundo a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social, o suspeito, João da Silva Pereira, já teria agredido a vítima diversas vezes. Ele utiliza tornozeleira eletrônica e já foi respondia por tráfico de drogas.

Ainda segundo a SSPDS, João foi preso em sua casa e encaminhado à Delegacia Metropolitana de Caucaia. Ele foi autuado em flagrante por lesão corporal e violência doméstica, Artigo 7 da Lei Maria da Penha. As investigações estão a cargo da Delegacia de Defesa da Mulher.

Câmeras de segurança registraram o momento da agressão, que ocorreu por volta de 18h. A imagens mostram que o suspeito chega ao estabelecimento, onde a mulher está trabalhando como atendente do caixa, e arremessa objetos para atingi-la. A mulher pede ajuda e um dos clientes tenta impedir a agressão, mas é ameaçado pelo suspeito.

Após dar socos em sua cabeça e puxar o cabelo, o suspeito joga a mulher no chão e arrasta a vítima para a calçada em frente do estabelecimento. Ele continuou a agredir a mulher, até que ela se levanta e corre para uma rua paralela.

As imagens mostram ainda que o suspeito continuou a gritar com a mulher e correu novamente em sua direção. 

Durante a prisão, como suposta justificativa, João afirmou que havia sido traído pela vítima enquanto estava na cadeia.

Via Diário do Nordeste

Jornalista Ricardo Cavalcante
Siga-me

Comentários no Facebook