Um homem, de 42 anos, foi preso em flagrante acusado de estuprar um bebê de 1 ano e meio, na última quarta-feira (22/04), no bairro de Guariroba, em Ceilândia (DF). As informações são do DOL.

O acusado tinha uma casa no mesmo lote que a família da criança, onde também residiam a mãe e a avó da vítima. “Ele tinha contato com a família, e aproveitou que o menino estava sozinho no quarto para abrir a porta e abusar da criança”, afirmou delegado à frente do caso, Mauricio Iacozzili.

A avó da criança notou algo estranho e, ao entrar no cômodo, flagrou o estupro. O bebê apresentava lesões na região do ânus e foi encaminhado ao Hospital Regional de Ceilândia (HRC), onde tomou coquetel anti-HIV (vírus da imunodeficiência humana).

Em depoimento, o acusado confessou ser soropositivo para HIV, causador da Aids, doença que atinge o sistema imunológico. A polícia acredita que o homem tenha feito outras vítimas. “Uma pessoa que comete um crime desse, normalmente, não fazem só uma vez”, falou Maurício. “Ainda não sabemos se ele utilizou o dedo ou o pênis para estuprar a vítima. Isso ainda está em investigação”, disse o delegado.

O homem será encaminhado à carceragem da Polícia Civil e, caso seja condenado, poderá responder por estupro de vulnerável. Se confirmado ser soropositivo para HIV, o suspeito será indiciado, ainda, por contaminação intencional do vírus HIV.

180 graus

Por Redação
Miséria.com.br

Jornalista Ricardo Cavalcante
Siga-me

Comentários no Facebook