Ministério da Cidadania informou nesta quinta-feira (23), em nota à imprensa, que os trabalhadores que se cadastraram no aplicativo Auxílio Emergencial da Caixa Econômica Federal (CEF) entre os dias 7 e 10 de abril, e que até o momento não foram confirmados como elegíveis, podem retornar ao aplicativo e revisar seu cadastro.

Segundo o governo, foi feita uma nova atualização do aplicativo para facilitar novos cadastramentos e a revisão dos cadastros já realizados, que por diversas razões, não tiveram a sua elegibilidade confirmada.

Na nota, o ministério reforça que todas as pessoas que “forem elegíveis de acordo com a lei irão receber”.

Segunda Parcela

 
Governo recua e não vai antecipar segunda parcela do auxílio emergencial de R$ 600

Governo recua e não vai antecipar segunda parcela do auxílio emergencial de R$ 600

O pagamento da segunda parcela estava previsto para começar no dia 27. Mas, na última segunda (20), a Caixa anunciou a antecipação para esta quinta (23).

Segundo o Ministério, no entanto, como muitas pessoas ainda não receberam a primeira parcela, seria necessária a abertura de crédito suplementar para garantir a antecipação da segunda, além do pagamento da primeira.

Jornalista Ricardo Cavalcante
Siga-me

Comentários no Facebook