O Corpo de Bombeiros do Ceará resgatou uma cobra jiboia-constritora de aproximadamente dois metros de comprimento em Iguatu, no Interior do Ceará, na manhã desta quarta-feira (25). O resgate aconteceu por volta das 10h20. A cobra estava em uma chácara no distrito de Vila Gadelha.

Segundo os bombeiros, após o resgate, o animal foi devolvido ao seu habitat natural, em Iguatu. O animal não atacou moradores, estava aparentemente saudável e sem ferimentos.

 

Jiboia-constritora

 

A jiboia pode chegar até quatro metro de comprimento. Para alimentar-se, mata as presas por constrição, enrolando-se na presa, apertando-a firmemente, até que sinta com o corpo que a respiração e os batimentos cardíacos do animal cessaram. A jiboia abre então a boca e engole a presa inteira, pois as cobras não possuem dentes para mastigar o alimento.

 

Apreensão em julho

 

A Receita Federal apreendeu, no dia 27 de julho, três cobras dentro de encomendas dos Correios em Fortaleza. Segundo a Receita Federal, os répteis foram achados depois que as encomendas passaram por um scanner da Receita Federal. Cães farejadores também ajudaram na descoberta das cobras.

Ainda de acordo com a Receita Federal, a encomenda é proveniente de São Paulo. As cobras estavam ensacadas e camufladas dentro de uma caixa de chicletes. As três cobras são conhecidas como cobra-do-milho, “corn snake”, e são oriundas da América do Norte e consideradas exóticas por não pertencerem à fauna brasileira.

Via G1 Ce

Jornalista Ricardo Cavalcante
Siga-me

Comentários no Facebook