Em transmissão ao vivo nas redes sociais, o governador do Estado, Camilo Santana (PT), formalizou a liberação a assinatura de convênio para obras de infraestrutura em Caucaia. Serão liberado de imediato R$ 40 milhões pelo Estado e R$ 4,32 milhões, pela Prefeitura de do município. Por meio da parceria, um sonho antigo dos moradores do litoral será realizado. O projeto global é para construção de 11 espigões e o investimento de R$ 174 milhões.

As verbas serão aplicadas em ações de reestruturação do litoral por meio de convênio com o município. Camilo também assinou Projeto de Lei para viabilizar a doação de terro de 120 hectares para construção do polo industrial na cidade. 

O convênio tem como objetivo implementar o plano de reestruturação e recuperação da zona costeira do município com a construção de 11 espigões similares aos existentes na Beira Mar de Fortaleza. O intuito, conforme Camilo, além de conter os avanços do mar, “é promover a geração de empregos e aumentar o potencial de desenvolvimento de Caucaia”.

Os recursos alocados inicialmente destinam-se para construção de três espigões. “As verbas vão ser liberadas imediatamente para que a prefeitura possa iniciar a licitação e que essas obras comecem o mais rápido possível”, defendeu Camilo.

Presente no lançamento oficial do convênio, o senador Cid Gomes afirmou que a obra entrará “para história do município” como um marco no desenvolvimento local. “É mais importante complexa e necessária obra para esse município, que além do seu sertão, da tradição da cidades, além da área de retroporto do Pecém, tem como grande potencial todo litoral da Tabuba até o Cumbuco”, afirmou.

As obras miram ainda expandir o potencial turístico da orla de Caucaia como forma de fortalecer a economia da cidade. “Quem ganha com isso não é o Camilo, governador, não é o Valim, prefeito, não são os vereadores. Quem ganha com isso é a população de Caucaia que merece novas oportunidades”, complementou o governador. 

Via O Povo Online

Jornalista Ricardo Cavalcante
Siga-me

Comentários no Facebook