Tablets comprados pela Prefeitura de São Gonçalo do Amarante, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), para estudantes da rede municipal de ensino usarem no ano letivo de 2022, foram furtados de um depósito da cidade no 1º dia deste ano. A gestão não soube precisar a quantidade de equipamentos furtados.

De acordo com o município, foram adquiridos 14 mil tablets para os trabalhos remotos de estudantes da rede pública em 2022, porém, foi percebido que dois dos quase 30 palets entregues haviam sido violados.

 

A gestão de São Gonçalo do Amarante assinou contrato para compra dos equipamentos em julho de 2021. Na época da assinatura, o prefeito Marcelo Teles afirmou que haviam sido investidos R$13,7 milhões na compra. Segundo ele, os eletrônicos iriam auxiliar estudantes e professores. A Prefeitura não soube avaliar qual o prejuízo financeiro com o furto.

 

“Lamentamos que esse ato criminoso, além de acarretar dano aos cofres públicos, tenha acontecido no primeiro dia do ano e comprometa um bem tão importante para o município. Apesar da subtração registrada, a logística de entrega dos equipamentos não foi comprometida e todos os alunos receberão os tablets para o início do novo ano letivo”, afirmou, em nota, o município.

 

Segundo a cidade, as medidas possíveis foram tomadas, e as investigações estão sendo conduzidas pela Delegacia de Roubos e Furtos. “Ressaltamos que os trabalhos da Delegacia de Polícia Civil do Ceará estão em curso e acreditamos na eficácia do competente trabalho policial”, escreveu o município.

Via G1 Ce

Jornalista Ricardo Cavalcante
Siga-me

Comentários no Facebook