Após muitas cobranças populares, governadora Izolda cela anuncia redução para 18% da alíquota do ICMS sobre combustíveis

A governadora do Ceará, Izolda Cela, informou, nesta segunda-feira (4), que o estado seguirá a lei 194, que determina teto de alíquota para o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) dos combustíveis no estado. Agora, a alíquota sobre os preços dos itens será de 18%, de acordo com a Secretaria da Fazenda estadual.

6d268597-4375-40a8-a4c0-1e78dc523880

A governadora do Ceará, Izolda Cela, informou, nesta segunda-feira (4), que o estado seguirá a lei 194, que determina teto de alíquota para o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) dos combustíveis no estado. Agora, a alíquota sobre os preços dos itens será de 18%, de acordo com a Secretaria da Fazenda estadual.

“Continuaremos lutando para que o Estado não perca recursos para a educação, saúde, segurança e programas sociais. Só os mais pobres são prejudicados”, escreveu a gestora estadual no Twitter.

Desde a última sexta-feira (1º), o estado já obedecia à lei 192, que muda a forma de cálculo das alíquotas do diesel e da gasolina. Até agora, pelo menos 12 estados e o Distrito Federal já anunciaram a redução do imposto para tentar frear o aumento no preço dos combustíveis.

A secretária da Fazenda do Ceará, Fernanda Pacobahyba, afirmou que o estado já fizera redução das bases de cálculo dos combustíveis desde 1º de julho, conforme a lei complementar 192 e a decisão do ministro André Mendonça, do Supremo Tribunal Federal (STF).

No entanto, ainda segundo a titular da pasta estadual, o Ceará entrou com Ação Direta de Inconstitucionalidade contra a lei complementar 194. O estado estava avaliando o assunto conforme decisão da Corte.

A lei foi sancionada com vetos pelo presidente Jair Bolsonaro e publicada em edição extra do Diário Oficial da União (DOU) no último dia 23 de junho.

Segundo o texto aprovado pelo Congresso, itens como diesel, gasolina, energia elétrica, comunicações e transporte coletivo passaram a ser classificados como essenciais e indispensáveis.

Dessa forma, a lei impede cobrança dos estados de taxa superior à alíquota geral de ICMS, que varia de 17% a 18%, dependendo da localidade. Até então, tais itens eram considerados supérfluos, e o imposto chegava a ter alíquota de 30% em alguns estados.

O ICMS é um imposto estadual que compõe o preço da maioria dos produtos vendidos no país, sendo responsável pela maior parte dos tributos arrecadados pelos governos estaduais.

G1 CE

Compartilhe

Após muitas cobranças populares, governadora Izolda cela anuncia redução para 18% da alíquota do ICMS sobre combustíveis

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Veja também!

Confira outras notícias

Muita confusão e ataques verbais no gabinete do prefeito de Pac...

Manhã de muita confusão na prefeitura de Pacajus, tudo aconteceu após o deputado Delegado Cavalcante ir até o local junto com uma comissão de comerciantes tentar um ...

Acidente com vitima fatal é registrado na Br 020, em Caucaia

Um grave acidente foi registrado na Br 020, nas imediações do Parque do Vaqueiro, nas imagens é possível observa que um veículo acaba colidindo em uma motocicleta ao...

Candidatos do Ceará vão poder gastar até R$ 17,3 milhões nas...

Os candidatos terão verba e limites e bastante onerosos para as eleições 2022. Conforme determinação do Tribunal Superior Eleitoral, que define as regras da disputa ...

Líder comunitário dono de pizzaria é morto a tiros dentro do ...

Um líder comunitário que também é dono de uma pizzaria foi morto a tiros dentro do próprio estabelecimento comercial na noite desta terça-feira (19) no Bairro Jangu...

PT rompe com PDT no Ceará e vai lançar candidatura própria ao...

Nesta terça-feira (19) o Diretório Estadual do Partido dos Trabalhadores (PT) se reuniu para repensar a relação com o PDT após o partido de Ciro indicar Roberto Clá...

Mais um prédio público abandonado em Caucaia, dessa vez no bai...

Nossa equipe foi até o prédio do polo de atendimento do Araturi (Cras), onde podemos constatar a situação de abandono vivida pelo prédio que precisa urgente de uma r...

Jurema News
Marechal Rondon - Caucaia
Copyright © 2022
Jurema News
Marechal Rondon - Caucaia
Copyright © 2022
Atendimento por WhatsApp
Departamento Parceria
Parceria
Atendimento das 08:00 às 18:00hs de segunda a sexta.
Atendimento por WhatsApp
Departamento Imprensa
Imprensa
Atendimento das 08:00 às 18:00hs de segunda a sexta.
Atendimento por WhatsApp
Departamento Parceria
Parceria
Atendimento das 08:00 às 18:00hs de segunda a sexta.
Atendimento por WhatsApp
Departamento Imprensa
Imprensa
Atendimento das 08:00 às 18:00hs de segunda a sexta.

Jurema News

Copyright © 2022

Este site utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência. Ao clicar em 'ok" e continuar navegando, você concorda com a nossa política de privacidade