Segue o foragido o pai da criança de 10 anos de idade que pulou do primeiro andar de uma residência para escapar de tentativa de estupro cometida por ele próprio. O caso ocorreu na manhã deste domingo, 8, no bairro Granja Lisboa, em Fortaleza.

A menina conseguiu se desvencilhar e pulou do primeiro andar do imóvel onde estavam. O homem fugiu após o crime. O POVO Online não divulga imagens e a identificação do suspeito para não identificar a criança, conforme o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

A menina passava o fim de semana com o pai quando ele, um homem de 34 anos, tentou estuprá-la. Para fugir, a menina pulou do primeiro andar do imóvel. A Ocorrência foi registrada na Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) e será encaminhada para a Delegacia de Combate à Exploração da Criança e do Adolescente (Dceca), que ficará responsável pelas investigações.

Informações para chegar ao autor

A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) destaca que a população pode repassar informações que auxiliem os trabalhos policiais. “As denúncias podem ser feitas para o número (85) 3108-2950, da Delegacia de Defesa da Mulher de Fortaleza ou para o número (85) 3101-2044, da Delegacia de Combate à Exploração da Criança e do Adolescente (DCECA). O sigilo e o anonimato são garantidos”, diz a pasta em nota.

A criança foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levada ao Instituto Doutor José Frota (IJF). A ocorrência foi registrada na Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) e será transferida para a Delegacia de Combate à Exploração da Criança e do Adolescente (DCECA), que ficará responsável pelas investigações. Representantes do Conselho Tutelar acompanham o ocorrido.

Via O Povo online

Siga-me

Jornalista Ricardo Cavalcante

Informações e contato em Portal Jurema News
Jornalista sob registro Drt 3648/Ce
Quem sou: Estudante de Jornalismo pelo a universidade Estácio de Sá, sou um apaixonado por tecnologia, busco sempre novas tecnologias para deixar esse portal cada vez mais completo.
Jornalista Ricardo Cavalcante
Siga-me

Comentários no Facebook