Uma mulher de 25 anos que buscou socorro em um hospital de Providence, em Rhode Island, nos EUA, surpreendeu médicos: o seu sangue estava azul.

A própria pele da paciente, que não foi identificada, estava ficando azulada. Ela deu entrada na emergência do hospital reclamando de fraqueza, fadiga e dificuldade para respirar.

De acordo com artigo publicado na prestigiada revista médica “New England Journal of Medicine”, nesta quinta-feira (19), o que estava por trás da coloração incomum era um medicamento que paciente havia usado na noite anterior para combater uma forte dor de dente.

A paciente havia usado benzocaína tópica em grande quantidade. De acordo com Otis Warren e Benjamin Blackwood, médicos que relataram o caso, a coloração azulada foi provocada por baixo nível de oxigênio nas hemácias.

Sangue rico em oxigênio é avermelhado.

Fonte: Extra

Siga-me

Jornalista Ricardo Cavalcante

Informações e contato em Portal Jurema News
Jornalista sob registro Drt 3648/Ce
Quem sou: Estudante de Jornalismo pelo a universidade Estácio de Sá, sou um apaixonado por tecnologia, busco sempre novas tecnologias para deixar esse portal cada vez mais completo.
Jornalista Ricardo Cavalcante
Siga-me

Comentários no Facebook