Uma jovem da Crimeia é procurada pela polícia depois de fugir da quarentena de um hospital onde passava por testes para saber se está contaminada pelo novo coronavírus, o Covid-19.

Ekaterina Repyakh havia sido internada em Sevastopol, no início de fevereiro, depois de voltar da China com febre, segundo relatos.

Segundo o jornal Daily Star, a jovem teria passado por dois testes, que deram negativo para o vírus e ela foi orientada a permanecer em isolamento para o terceiro e último teste, quando ela resolveu deixar a unidade médica sem autorização.

Relatórios do governo da Crimeia relatam que ela queria viajar para o Oblast de Rostov, uma divisão federal da Federação da Rússia, por razões não especificadas.

Após a fuga, a mulher foi colocada em uma lista de procurados e policiais fazem buscas ativas por ela. A localização e condição da mulher permanecem desconhecidas.

180 graus

Por Redação
Miséria.com.br

Jornalista Ricardo Cavalcante
Siga-me

Comentários no Facebook