A Delegacia da Receita Federal em Juazeiro do Norte doou três mil máscaras e mil pares de luvas para o Hospital Maternidade São Vicente de Paulo, em Barbalha. Com seu Centro de Oncologia referência para 45 municípios do Cariri e Centro-Sul, que somados chegam a 1,5 milhão de habitantes, a unidade tem tido dificuldade para comprar material hospitalar por conta da Covid-19.

De acordo com o titular da Delegacia de Juazeiro do Norte, Marcos Alexandre Lucena, estes itens são parte de uma carga apreendidas em Minas Gerais e no Rio Grande do Sul e foram distribuídos para várias regiões fiscais do País. “A Receita Federal tem se desdobrado para cumprir ainda mais sua missão, mas sempre tem buscado ir além disso, tentar cumprir um papel social mais relevante”, reforça o delegado.

Lucena enfatiza que, ao longo dos anos, a Receita tem doado objetos apreendidos para entidades realizarem bazar ou ajudar na manutenção de suas condições físicas e estruturais. “Isso também é parte do trabalho. Nas últimas semanas, temos visto doação de máscaras, luvas, para o Ministério da Saúde e entidades que realmente precisam para proteção individual nesta situação”, completa.

A irmã Juliana Deyse, uma das administradoras do Hospital São Vicente de Paulo, destaca que o equipamento é “imprescindível” e diz que “essa doação significa muito diante das dificuldades que todo mundo passa”.

Diário do Nordeste

Jornalista Ricardo Cavalcante
Siga-me

Comentários no Facebook