Agência de Fiscalização de Fortaleza (Agefis) interditou e multou um abatedouro por descumprir com as normas sanitárias e por poluição ambiental, nesta terça-feira (23), no bairro Quintino Cunha, em Fortaleza. Os fiscais constataram que os resíduos de animais eram descartados no Riacho Maranguapinho. A ação teve apoio do Batalhão de Polícia do Meio Ambiente (BPMA).

De acordo com a Agefis, o abate das aves e suínos ocorria em condições precárias de higiene e não possuíam autorização do Serviço de Inspeção Estadual/Federal (SIE ou SIF) para funcionar. Foi possível verificar ainda que no local animais vivos estavam no chão em área contaminada por fezes e sangue, além disso, os funcionários não usavam EPIs, como toucas, aventais, botas ou fardamentos.

Houve a apreensão de 211 kg de carcaças de animais, sendo 172 kg de suíno e 39,85 kg de frango. O responsável pelo local foi autuado por não apresentar o alvará de funcionamento e nem a licença ambiental e poderá pagar multa que chega a R$ 25.270,50.

via Diário do Nordeste

Jornalista Ricardo Cavalcante
Siga-me

Comentários no Facebook