Um segundo homem envolvido na morte de um motorista de aplicativo Jares Rodrigues da Silva, em dia 29 de outubro de 2019, foi capturado em Caucaia, na manhã desta segunda-feira (18), em cumprimento de um mandado de prisão preventiva.

A prisão resultou do trabalho coordenado por equipes do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE).

Alessandro Assunção de Sousa (19), que já responde por homicídio, foi preso na manhã desta segunda, confessou em depoimento que foi o responsável por atirar contra a vítima, que morreu no momento em que tentou fugir da ação criminosa, de acordo com a polícia.

Via G1 Ce

Jornalista Ricardo Cavalcante
Siga-me

Comentários no Facebook