Pai e filha foram sequestrados na manhã desta terça-feira (5) enquanto saíam de casa para o trabalho, no Bairro Passaré, em Fortaleza. Câmeras de segurança da residência flagraram a ação dos criminosos.

De acordo com o motorista, que prefere não ser identificado, a dupla ordenou para que ele e a filha fossem para o banco traseiro do veículo. Um dos ladrões pediu para não reagirem e que passassem aparelhos celulares, carteiras e dinheiro.

“Se passaram de catadores de lixo com saco preto e ficaram mexendo na lixeira e na hora que parei anunciaram o assalto. Eu saía de casa e quando eu voltava para fechar os portões eles puxaram a arma e me abordaram e mandaram eu sair. Pediram para passar para trás eu e minha filha. Levaram a gente e soltaram lá na frente. Próximo de casa. Pediram para gente não reagir e ficar calmo e que queria só dinheiro. Levaram documentos, celulares, minha bolsa e da minha filha.”

 

Minutos após a abordagem e do sequestro relâmpago, pai e filha foram soltos em uma rua próximo ao local do crime. A filha que também pede para não ser identificada disse que se sentiu nervosa, mas mesmo assim tentou ficar calma para o pai não tentar reagir.

 

“Me senti muito nervosa, você se sente impotente. Não pode fazer nada na hora, pois eles estavam ameaçando a gente direto. Eu tentei ao máximo ficar mais calma possível para o meu pai não fazer nada e a gente sair dessa.”

 

Suspeitos mexendo em sacos de lixo antes de abordar pai e filha no Bairro Passaré, em Fortaleza. — Foto: Reprodução

Suspeitos mexendo em sacos de lixo antes de abordar pai e filha no Bairro Passaré, em Fortaleza. — Foto: Reprodução

 

‘Reclamaram do celular antigo’

 

Ainda segundo a filha, os ladrões levaram uma bolsa, um aparelho celular e o automóvel. A filha afirmou que o ladrão reclamou de o aparelho celular ser antigo e perguntou se ela tinha um mais moderno.’

“O do meu pai levaram eu não levei o meu. Aparentemente eles não gostaram. E perguntaram: ‘você só tem esse pequeno aqui?’ Celular não era muito moderno e reclamaram porque eu não estava com o meu”, disse.

Após o crime, pai e filha afirmaram que vão registrar o boletim de ocorrência, na manhã desta terça-feira.

Via G1 Ce

Jornalista Ricardo Cavalcante
Siga-me

Comentários no Facebook